quinta-feira, 17 de março de 2016

Resenha: A Ascensão do Governador

Leitura Atual





Livro: The Walking Dead - A Ascensão do Governador
Autores: Robert Kirkman e Jay Bonansiga
Ano: 2011
Editora: galera Record

Edição: 17ª
Páginas:  364 (23 cap.)
Gênero: Terror








No séc. XXI uma terrível praga se instala  nos Estados Unidos. Agora, os mortos não mais descansam, eles andam por aí na forma de zumbis em busca de vítimas frescas para saciar a sua fome infernal. E o pior de tudo, eles se multiplicam a cada dia sem parar, levando a crer que o temido Apocalipse já começou.

Nesse cenário aterrorizante um grupo de sobreviventes se destaca, na tentativa desesperada de atravessar o estado da Geórgia e chegar até Atlanta, onde acredita-se que exista um centro de refugiados. Mas o caminho não é nada fácil e as perspectivas são desoladoras, e se não bastasse isso, Philip, Brian, Penny, Nick e Bob terão de enfrentar os seus maiores medos e piores terrores, tendo muitas vezes que tomar medidas extremas para sobreviver. É a partir daí que um poderoso déspota vai ascender, trazendo ainda mais terror à todos.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Pode-se dizer que o primeiro livro dessa série é tão bom quanto o seriado de TV. Muita ação, terror e aventura que prendem o leitor a uma narrativa fluente e muito interessante. Em "A Ascensão do Governador" os leitores ficam sabendo da jornada dos irmão Blake que fogem de uma praga apocalíptica em busca de sobrevivência e segurança. Além disso, o livro conta a história do personagem que um dia se tornaria o Governador, um governante ditador e doentio, e o qoe o levou a fazer isso.



O terror é o principal tema do livro, mas o diferencial deste para os clássicos da Literatura de Terror é que ele mostra um terror com mais ação, emoção e mais futurístico.. Mas algumas características clássicas permanecem, como o suspense e o medo extremos.

Ao meu ver tudo é escrito em uma perspectiva muito pessimista, pois o sofrimento e a dor estão presentes do início ao fim da estória. Quando você acha que vai encontrar um trecho feliz e reconfortante, vem algo e estraga tudo. E o final não é diferente, é verdade que ele termina de modo surpreendente e inesperado, mas para mim foi bem frustrante, pois quase todas as coisas que eu esperava que acontecessem não aconteceram. Mas afinal, nem todo livro de terror precisa ter um final feliz, e quem sabe lá no desfecho da série ele irá surgir.

Apenas uma coisa salvou o final da estória e a tornou, de certa forma, boa. O personagem que eu mais gostava e mais me identifiquei se saiu bem no final, enfrentou seus medos e evoluiu psicologicamente. Mas tem algumas que eu realmente odiei na estória. Uma delas foi o romance presente, quando eu pensei que ele ia surgir para melhorar o ânimo do livro e deixá-lo mais interessante vem os autores e estraçalham e destroem tudo. E outra foi o erotismo colocado em algumas partes, que foi retratado de forma grotesca, repugnante e nojenta. 


A ação e a aventura do livro vem para tentar neutralizar esses pontos negativos, pois elas são de ótimas qualidade. A toda hora os personagens tem que enfrentar os monstros, arriscar suas vidas, sacrificar amigos  e tomar medidas extremas. Tudo em um ritmo de tirar o fôlego. O livro realmente mexe com o humor e o psicológico do leitor, por isso se você for ler a série faça como eu, leia em períodos espaçados, com outras leituras entre os volumes da saga. Para que dessa maneira você possa ter um tempo de recuperação e preparação para poder voltar para a estória.

E por fim, posso dizer que o livro é mediano. Mas claro, tudo depende do gosto e do ponto de vista de cada leitor, e além disso esse não é o meu tipo de leitura preferido. Sou mais da fantasia, aventura, distopia, e etc. Tenho certeza que os fãs do seriado de TV vão gostar do livro. Para quem gosta de terror e ação esta é uma ótima dica de livro.

Nível de Recomendação: 7;
Capa: 4;
Trama: 7,5;
Enredo: 6;
Desfecho: 8.
. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário